Senador Medeiros pergunta à internauta: É lícito que um ladrão pague o advogado com produto de roubo?

  • O senador José Medeiros ainda lembra - A lei diz: ninguém deve se beneficiar da própria torpeza. (Foto: Arq/Ag.Senado)
  • Postado dia 02 de Agosto de 2015

O  senador José Medeiros (PPS-MT), usa sua página pessoal no Facebook, para perguntar à internauta:  É lícito que um ladrão pague o advogado com produto de roubo?

O senador ainda lembra - A lei diz: ninguém deve se beneficiar da própria torpeza.

“Para acabarmos com tal farra, apresentei um projeto de lei que propõe que em ações de improbidade administrativa e naquelas que apurem crimes contra a administração pública e contra o sistema financeiro nacional, o réu comprove a origem lícita dos recursos utilizados no pagamento de honorários advocatícios”, diz a postagem.
 
O senador Medeiros destacou também: É preciso que haja transparência! O advogado é indispensável à administração da justiça e inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei (art. 131, CF). Assim, sobre ele deve prevalecer a presunção de boa-fé.
 

Fonte: Da redação (justicaemfoco.com.br).

Relatar Conteúdo Impróprio ou Comunicar Erro

Indique a um amigo     Imprimir notícia