TJSP leiloa obras de arte da massa falida da Vasp, dentre elas obras de Alfredo Volpi

  • Postado dia 07 de Agosto de 2014

Esculturas, quadros e gravuras, dentre elas obras de Alfredo Volpi, pertencentes à massa falida da Viação Aérea São Paulo Sociedade Anônima (Vasp) foram leiloadas hoje (7), na Casa de Portugal, em São Paulo. Ao todo, 36 peças foram levadas a leilão público oficial e 15 acabaram arrematadas, totalizando o valor arrecadado de R$ 16.650.
        
 
Os lances foram aceitos pela internet (site www.freitasleiloesonline.com.br, homologado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo) e concorreram em igualdade de condições com os lances oferecidos pessoalmente. O pagamento do valor da arrematação deverá ser efetivado em até 24 horas contadas a partir do encerramento do leilão, por depósito judicial em favor do juízo da 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais da capital.
        
 
Outros quatro leilões com bens da Vasp acontecerão ainda neste ano (dois em agosto e dois em setembro). O próximo está agendado para o dia 21, também com lotes de obras de arte. O edital está disponível no site do leiloeiro e os lances eletrônicos serão recebidos a partir da próxima segunda-feira (11). Os demais leilões englobarão móveis, porcelanas e utensílios utilizados no interior das aeronaves, protótipos de aviões da empresa e objetos para colecionadores, como caixas-pretas e outras peças de aeronaves.
        
 
De acordo com o juiz Daniel Carnio Costa, responsável pelo processo de falência da Vasp, o valor arrecadado nos leilões será utilizado prioritariamente para o pagamento dos credores trabalhistas, até o limite de 150 salários mínimos para cada um. Parte deles já recebeu créditos provenientes dos últimos leilões.

Fonte: Da redação (Justiça em Foco), com TJSP

Relatar Conteúdo Impróprio ou Comunicar Erro

Indique a um amigo     Imprimir notícia