Programação cultural divertiu o servidor na abertura das comemorações do mês de outubro

  • Postado dia 07 de Outubro de 2013

A abertura da programação cultural do Mês do Servidor foi recheada de humor com a apresentação do espetáculo Fic Véi, Fic LegalA montagem, escrita por Aninha Franco e dirigida por Rita Assemany, mostrou os problemas enfrentados na terceira idade por Tatá e Maninha, duas senhoras cheias de jovialidade, interpretadas pelas atrizes Evelin Buchegger e Kátia Leal. Cheias de irreverência elas divertiram a platéia contando as dificuldades financeiras enfrentadas após um empréstimo consignado, e por conta disso passaram a trabalhar como garotas-propaganda de uma agência de publicidade para vender produtos da empresa Fic Véi, Fic Legal. 

"Gostei muito do tema, da valorização do idoso. De mostrar que ele é capaz de produzir e contestar", declarou Márcia Ribeiro, servidora do Cartório de Registro Civil Subdistrito de São Pedro, se referindo ao momento em que as duas senhoras recusam uma grande quantia em dinheiro para não processar a empresa por ter divulgado imagens íntimas delas na internet. 

O público riu muito com a atuação das duas atrizes e também se sensibilizou com a questão da desvalorização do idoso na nossa sociedade. "Eu gostei muito da coragem das atrizes. E a peça mostra que a gente pode envelhecer de forma sadia. O investimento em cultura é uma excelente iniciativa do Tribunal", ressaltou Simone Teixeira, servidora do Cartório de Registro Civil Subdistrito da Vitória.

A campanha desse ano, assim como no ano passado é um compromisso com o sorriso, com um ambiente feliz, harmonioso e colaborativo, que se reflita no atendimento ao cidadão.  Por conta disso o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA) preparou, mais uma vez, uma programação especial em homenagem ao Dia do Servidor. Durante todo o mês de outubro, sempre às sextas-feiras, serão apresentados espetáculos teatrais selecionados especialmente para o servidor do judiciário baiano. 

"Assisti aos espetáculos do ano passado e pretendo assisti aos desse ano também. A programação é uma forma do Tribunal valorizar o servidor", destacou Francisco Aragão, servidor do Conselho da Magistratura. 

Nesta sexta-feira, dia 11 de outubro será apresentado o monólogo Sargento Getúlio, que fala sobre a honra, o caráter e as voltas que o destino dá, através da história de Getúlio, um homem ingênuo, do campo, que, perdido em meio às modificações sociais, enlouquece. E mesmo envolvido em inúmeros questionamentos, acredita que não deve parar de lutar. Uma bela história sobre o propósito da existência e superação. Encenado por Carlos Betão, o espetáculo é uma adaptação da obra de João Ubaldo Ribeiro e tem direção de Gil Vicente Tavares. 

Para a garotada - O Tribunal de Justiça não esqueceu dos filhos dos servidores e incluiu uma programação infantil. No sábado, dia 12 de outubro, Dia das Crianças, os pequenos terão a opção de diversão, junto com os pais, também no Teatro Jorge Amado. Às 11h, será apresentado o espetáculo "Os Saltimbancos da Esperança". 

Livre adaptação dos "Músicos de Bremen", um clássico dos Irmãos Griimm, o musical infanto juvenil, dirigido por Andréa Elia, recria novos personagens do imaginário das histórias infantis e a história passa a ser contada pelos animais, numa série de situações engraçadas, quando eles resolvem se unir e montar um número de sucesso para salvar o circo da falência, e é quando eles se lembram da obra musical "Os Saltimbancos". Inspirados pela união do jumento, da galinha, do gato e do  cachorro, os artistas  imitam os personagens da fábula e aprendem que unidos poderão vencer as dificuldades.  Todas as peças são montagens baianas, sucessos de bilheteria. 

As apresentações estão programadas sempre às 19h, no Teatro Jorge Amado, na Avenida Manoel Dias da Silva, em frente à Praça Nossa Senhora da Luz. 

Os ingressos estarão disponíveis, no dia do espetáculo, a partir das 18h na bilheteria do teatro. Cada servidor tem direito a um par de ingressos que deverá ser retirado mediante apresentação do cartão do Programa SER e da identidade ou outro documento com foto. Caso não tenha o cartão, pode ser apresentado o contracheque.

 

PRÓXIMOS ESPETÁCULOS:

 

18/10 - Todo Mundo Tem Problemas Sexuais. 

25/10 - Tia Judith ao Vivo

Fonte: Da redação – Justiça em Foco, com Ascom

Relatar Conteúdo Impróprio ou Comunicar Erro

Indique a um amigo     Imprimir notícia